POR QUE ESCOLHER A BYTE FACTORY?

Além de oferecer 100% de ferramentas e serviços personalizados, nossa equipe tem o foco na alavancagem do seu negócio, informando e auxiliando sua expansão.

CONTATO
  • End.: Av. Jose de Souza Campos, Nº 1.815, cj 1.202
    Campinas-SP CEP 13025-320
  • Tel: +55 19 3795-4460 / 4461 / 4462 / 4463
  • Email: atendimento@bf.net.br

Procedimento de incorporar alterado

03/08/2015 em Engenharia

O que significa uma engenharia incorporada? Significa que a engenharia do item incorporado será produzida ao mesmo tempo do item elaborado.
Para viabilizar dinamicamente essa opção, que está disponível no menu pelo botão direito sobre a grade de itens da engenharia, o Aics passa a indicar que o item está incorporado imediatamente. Ainda, se um item incorporado for desativado, a sub-engenharia será eliminada automaticamente. O procedimento anterior implicava em apagar o item e adicioná-lo novamente. O novo procedimento é mais simples e evita erros operacionais.

Unidades deixam de ser livres

20/08/2014 em Engenharia

Quando uma engenharia de um produto é montada, o projetista estava com liberdade de informar a unidade dos itens mesmo que não fosse uma unidade cadastrada nas unidades do sistema (acesso pelo menu Configurações, opção unidades do módulo de materiais). Nessa atualização, se uma unidade não registrada for digitada, ela não mais será aceita. Esse procedimento causa um maior controle das estruturas dos produtos sem perda de generalidade, caso alguma unidade não seja aceita, bastará cadastrá-la imediatamente para dar continuidade no processo.

Nova Ficha Técnica Analítica

05/12/2009 em Engenharia

Com o objetivo de melhorar a análise das composições nas engenharias, ainda mais quando ocorre item composto dentro de item composto, criamos um novo relatório denominado Ficha Técnica Analítica.
Diferentemente da Ficha Técnica para Produção, essa nova ficha irá explodir os processos filhos e apresentar tempos e valores previstos.
Seguindo a opção de tipo de preço antes de imprimir o relatório, calculará valores estimados para uma dada quantidade de produção padrão indicada na ficha do material elaborado.
O número de níveis de sub-produtos também é válido e, como na Ficha Técnica tradicional, o relatório pode ser gerado limitando-se a profundidade de explosão das sub-engenharias.

Correção da Ficha Técnica

03/12/2009 em Engenharia

A ficha técnica de Materiais Elaborados estava com uma coluna incorreta e exibia as descrições repetidas. Isso afetava apenas a versão do AICS com multi-engenharia.
Os usuários que já estavam com esta versão e utilizam Engenharias devem fazer a atualização para corrigir este relatório.

Atualização recursiva de Engenharias Incorporadas

11/12/2008 em Engenharia

Uma Engenharia equivale a uma sequência de processos e itens com quantidades bem definidas. Quando um item, que possui Engenharia, é utilizado em outra, existe o conceito de "Engenharia incorporada". Este recurso significa que o item será produzido na mesma Ordem de Produção, isto é, sua Engenharia foi "incorporada" a anterior.
Neste conceito, podemos ter itens incorporados que contém outros itens incorporados em sua composição. Isto leva a uma cadeia complexa de itens incorporados. A maior dificuldade é quando as engenharias filhas são alteradas e, como estão incorporadas, a decisão de alterar as filhas ou não ficava a cargo do projetista.
Na versão mais recente, após algumas solicitações visando facilitar o trabalho do projetista, o AICS irá atualizar, se confirmado, as engenharias incorporadas não importando o nível das mesmas. Isso facilita a integridade das composições. Fica claro que o princípio básico de manter as composições das Ordens de Produção anteriores fica mantido, sem alterações.

Recurso de Atualização de Engenharias Incorporadas

07/12/2008 em Engenharia

O módulo Engenharia do AICS foi alterado para permitir atualizar engenharias incorporadas em outras engenharias. Exemplificando: se existe uma engenharia de um "carro" e, nesta engenharia, o item "motor" aparece como incorporado, significa que o "motor" será produzido junto com o "carro" (exemplo apenas ilustrativo, é claro).
Quando a Engenharia do "motor" for alterada e este item aparecer em diversos "carros", o sistema poderá atualizar os "motores" de todos os carros nos quais ele pertence. Anteriormente, esta incorporação funcionava apenas como cópia, pois o "motor" poderia ser alterado na engenharia do "carro". Com esta alteração, quando o "motor" é alterado, a aplicação para todos os "carros" é facultativa, porém, se confirmado, automático.
Dependendo do tipo de produção, com este novo recurso, pode-se trabalhar com engenharias fixas ou variáveis especificamente.

Quantidade referencial na Engenharia

01/11/2008 em Engenharia

A Engenharia de materiais do AICS se baseia numa lista de materiais por processo. Além dos encadeamentos, perdas fixas e variáveis, é claro.
Portanto, a quantidade indicada na composição é sempre baseada para uma unidade do Item Elaborado. Por exemplo, se o Item Elaborado tem como unidade principal kg, as quantidades indicadas são para produzir 1 kg do Item Elaborado.
Apenas para deixar mais transparente esta engenharia, deixamos agora configurável por item a quantidade referencial, que continua sendo a unidade como padrão. Esta quantidade está na página da Engenharia e deve ser preenchida com a quantidade referencial utilizada na composição. Se deixada em branco, o sistema irá colocar o valor 1 automaticamente. Se estiver zerada, as engenharias anteriores a considerarão como 1 também, tanto na análise qto na geração de novas OPs.

Custo automático e bloqueio de OPs

11/12/2007 em Engenharia

Adicionamos na tela de materiais uma opção "Engenharia". Esta opção indica que o referido material é apenas uma composição, não aceitando nem gerar OPs. Em funçao disso, quando qualquer item de sua composição for movimentado em entradas, o custo destes materiais tipo engenharia serão atualizados automaticamente.
Este recurso foi criado para facilitar o controle de materiais compostos que podem ser processados rapidamente.

Usando Engenharia sem Produção

11/12/2007 em Engenharia

Criamos uma possibilidade interessante, para algumas aplicações, que permitem ter Engenharia e não ter Produção.
Este recurso é especialmente útil quando o produto final é feito de forma rápida ou de uma forma que não seja tão rápida mas que não compense o controle do produto final.
Para este objetivo, tendo o módulo de Engenharia e NÃO o de Produção, baixas de estoque sobre estes itens com Engenharia terão efeito em suas composições. Por exemplo, se um "bolo" X tivesse os ingredientes 1 e 2, uma "venda" de um "bolo" iria baixar os estoques dos ingredientes 1 e 2 pela Engenharia do "bolo". É claro que o tempo de preparo de um bolo não poderia ser desprezado, isto foi apenas um exemplo didático.

Processo de separação de itens na Engenharia

09/12/2007 em Engenharia

O BF Aics agora apresenta um facilitador para separar engenharias muito longas. Exemplificando para facilitar a compreensão, se um item apresenta uma engenharia muito longa com diversos itens, pode-se, sem estar em modo de edição, selecionar com o Ctrl ou Shift pressionado os itens que serão transferidos para outro item.
Clique com o direito na grade de composições e selecione Mover para outro item. Localize o item e os dados serão movidos. O item destino deverá estar sem engenharia, os processos serão criados automaticamente e os itens movidos associados corretamente.