POR QUE ESCOLHER A BYTE FACTORY?

Além de oferecer 100% de ferramentas e serviços personalizados, nossa equipe tem o foco na alavancagem do seu negócio, informando e auxiliando sua expansão.

CONTATO
  • End.: Av. Jose de Souza Campos, Nº 1.815, cj 1.202
    Campinas-SP CEP 13025-320
  • Tel: +55 19 3795-4460 / 4461 / 4462 / 4463
  • Email: atendimento@bf.net.br

Agora pode editar as mensagens em modo WYSIWYG

07/12/2008 em Envio de Mensagens

O envio de mensagens do AICS permite inserir texto plano ou HTM, porém, em formato aberto. Isto é, o operador visualiza os TAGS do HTML.
Na versão mais recente do sistema, adicionamos um editor WYSIWYG no envio de mensagens, podendo alterar cores, corpo, fontes, alinhamentos etc. Nenhuma restrição gráfica e o envio será feito normalmente em HTML.
Quando mensagens anteriores foram selecionadas, elas serão carregadas mesmo sendo TXT. Os envios por sistema continuam podendo ser em qualquer formato, TXT ou HTML, com seleção automática do tipo de formato através da análise do conteúdo.

Generalização da pesquisa do usuário

07/12/2008 em Centro de Informações

O AICS possui um recurso muito simples para personalizar as pesquisas internas do sistema. Quando o filtro é ativado, se existir uma vista com o nome:
USUFILTROXXX, Onde XXX é o nome da tabela principal, este filtro será montado e utilizado no lugar do filtro interno do sistema. Para que este recurso funcione, o usuário ativo deverá ter direito de PESQUISAR sobre esta Vista.
Entretanto, este recurso esta habilitado apenas a tabelas internas e não a telas baseadas no Centro de Informações.
Alguns módulos do AICS atualmente são baseados diretamente do Centro de Informações e esta característica de personalização foi requisitada pelos usuários.
Portanto, sendo uma tela interna do sistema OU, agora, uma tela dinamicamente construída baseada no Centro de Informações, a regra de substituição do filtro fica generalizada.

Nova opção exclusiva para coluna em HTML

07/12/2008 em WebServer

Atenção a esta atualização, instale o AICS antes de atualizar o Serviço Web do AICS para que este recurso opere corretamente! A edição de textos planos é nativo do serviço do AICS pelos navegadores e, pelo AICS, pode-se editar textos planos ou textos em RTF. A apresentação dos textos pode ser plano ou em HTM com a origem em qualquer destes formatos.
Como ferramenta de edição online de conteúdos HTML, adicionamos no AICS e com consequente processamento pelo ServAICS, uma opção de Texto em HTML. No Centro de Informações, esta opção ficou na aba de Opções de Apresentação. A opção de Internet foi movida para a aba de Opções Gerais.
O grande ganho deste recurso é um editor online de HTML controlado automaticamente pelo Servidor Web do AICS e, vantagem, sem uso de plugins em Java! Basta o javascript estar ativado.
Adicionando recursos de upload de imagens (já existente do Serviço Web há tempos), manipulação de imagens (tamanho e assinatura, por exemplo), rotinas nativas para Ajax a este, o servidor Web do AICS passa a ser o ponteiro e mais moderno gestor de conteúdo tanto em desktop quando pela Internet.

Novas extensões do Servidor de Aplicação

07/12/2008 em WebServer

A interface de dados Web do AICS permite transferir algumas rotinas demoradas (e padrões) para o servidor. Atualmente, muitas são as funções já executadas pelo servidor neste modelo de acesso, entretanto, as seguintes funções foram passadas ao servidor:
- Geração da pesquisa avançada Esta pesquisa permite indexar conteúdos quaisquer em qualquer tabela do AICS e pesquisar com velocidade altíssima - Verificação de saldos e movimentações de materiais As rotinas que verificam possibilidade de movimentar materiais e a que, de fato, movimenta, foram transferidas para o lado do servidor - Geração de Financeiro As chamadas para geração automática de movimentos financeiros também foram passadas ao lado do servidor Estas migrações estão sendo feitas sob demanda e, quando houver pedido explícito de atualização, é porque o AICS e o Serviço do AICS precisam (ambos) serem atualizados para atuarem na nova regra.

Função para trabalhar com múltiplas conexões

07/12/2008 em Centro de Informações

O AICS trabalha sobre bancos SQL; até aí, nenhuma novidade.
Só que as versões mais recentes podem trabalhar AO MESMO TEMPO, com diversas conexões de dados SQLs ou não.
Na Configuração Geral, aba SQL, pode especificar diversas Strings de conexão e associar nomes a elas. Estes nomes podem ser aplicados a comandos SQL de cursores tipo AICS nas funções TableExecSQLCONN e TablePrepareSQL CONN.
Nos objetos nativos de dados que tenham a propriedade Connection (como TADOQuery, por exemplo) seria necessário criar um objeto de conexão e associá-lo a este objeto. Mas, para que isso se o AICS já gerencia estas conexões múltiplas sozinho? Portanto, a BF criou a seguinte função:
Function ConnectionByName(Name:string):TADOConnection Onde o valor do parâmetro Name deve ser um dos nomes das conexões definidas na Configuração Geral. Note que nem é necessário criar um objeto de conexão, esta função já retorna o objeto interno, otimizado e funcional.

ZIP e UnZIP para uso geral

07/12/2008 em Centro de Informações

O AICS já possuía rotinas internas para processamento de arquivos ZIP. Agora, foram publicadas e colocadas à disposição em todos os módulos. Quer um exemplo prático interessante? Imagine programar o servidor para, todo domingo à noite, baixar um ZIP de um site de banco de dados, expandir o arquivo, validar e importar numa certa base de dados. Após isso, pode reexportar os dados em Excel, "ZIPar" de novo e enviar por email a certos destinatários.
Brincadeira? Tudo possível em todas as ferramentas do AICS! Declarações das rotinas:
Function ZIP(Zip, Mascara:String):boolean Function UnZIP(Zip, Mascara, Destino:String):boolean

Carregamento automático dos Conteúdos Multimídia

07/12/2008 em Editorial

O módulo Editorial possui o banco de conteúdos multi-mídia pronto para ser linkado aos layouts editoriais. Quando o link é feito, o conteúdo vai "aparecendo" conforme a edição do texto é feita na Elaboração de Matérias ou pelo novo recurso do duplo clique no Editorial.
Para facilitar a visualização dos materiais, agora o AICS irá carregar todos os links previstos no layout sem a necessidade de chamar caixa a caixa. O objetivo deste novo recurso é agilizar a edição e, em alguns casos, evitar que certos conteúdos não sejam transferidos por simples esquecimento.
Já disponível em todas as versões mais recentes.

Novo recurso para fracionamento de lotes

07/12/2008 em Materiais

O AICS possui uma sugestão de fracionamento de lotes logo na entrada das NFs. Entretanto, em certos casos, a decisão da quantidade de fracionamentos somente é definida após a entrada dos materiais.
Portanto, adicionamos na aba Controle de Lotes do Controle de Materiais um novo botão "Fraciona lote". Indicando o número de partes em 2, será pedida a quantidade que será extraída. Se forem mais partes ou a quantidade não for informada, a rotina irá separar o lotes em N partes iguais. Sendo que o lote origem também será fracionado (fará parte da explosão sem gerar réplicas).
Ao mesmo tempo, um novo flag de "Lote impresso" será desligado nestes novos lotes permitindo emitir etiquetas de lotes rapidamento a partir de um único filtro de impressão em materiais.
O relatório "Lotes etiquetas" agora, em sua saída para impressão, pergunta ao usuário se deseja marcar os lotes das etiquetas como impressos.

Relacionando IP a país

07/12/2008 em Centro de Informações

Existem diversos serviços pagos que permitem, dado um endereço de IP, obter-se o país ao qual ele se refere. Esta base de dados é dinâmica e, por isso, normalmente é um serviço remunerado.
A Byte Factory criou a função GeoIP com a sintaxe:
Function GeoIP(IP:String):String;
Que irá retornar a sigla do país da IP informado. Por exemplo, para o Brasil, a sigla será BRA. Esta função localizará na base de dados local pela tabela GEOIP ou, caso ela não exista, a função irá contactar o servidor corporativo da Byte Factory para retornar a sigla correta. Este processo de obtenção do IP pelo servidor da Byte Factory ou pela base local é transparente, entretanto, ter a base do GEOIP localmente, é claro, é muito mais veloz.
A Byte Factory também desenvolveu um importador automático da base GEOIP, de domínio público, para que esteja sempre atualizada. Esta atualização pode ser feita pelo próprio servidor sem interfarência de nenhum operador. Caso necessite desta solução, solicite à Byte Factory.

Correção em componente de Exportação para Excel

07/12/2008 em Centro de Informações

Todas as ferramentas do AICS permitem exportação de dados dos bancos em formato XLS rapidamente. Esta exportação existe nos grids do sistema, relatórios, cursores pelo Centro de Informações e mesmo dinamicamente pelo servidor Web.
O componente de exportação não estava considerando o tipo de dados MEMO, isto é, quando os cursores mostravam em seu resultado dados em formato texto, o resultado final não era o esperado.
Isso não ocorria quando, mesmo com tipo de dados MEMO, os comandos de seleção utilizassem resultados tipo string convencionais.
Esta correção, que é de um componente interno do AICS, foi feita nas seguintes versões e módulos (já disponíveis no FTP em formatos ZIP):
Aics.exe - Para bases MS-SQL, Oracle e MaxDB AicsX.exe - MaxDB e DB2 ServAics.exe - Servidor Web em ADO ServAicsX.exe - Servidor Web em DbExpress